Dicas de uma mãe de primeira viagem

É bem verdade que conselho se fosse bom não se dava, vendia. Mas também é verdade que quando se precisa de ajuda com o seu bebê, ou seus seios empedrados e doloridos, ninguém ajuda!

Por isso mães de primeira viagem, não se prendam no que as pessoas que tiveram filho na década passada disserem. Não que elas não tenham sido boas mães, não é isso… Mas existem novos métodos mais simples, e saudáveis, para você e seu bebê.

Dica 1:
Seios empedrados.
Para quem é adepta da “maminha” como eu: Que atire a primeira pedra quem nunca chorou com o bebê na hora de dar de mamar.
Os seis enormes, endurecidos de leite, doídos! Você pede socorro pra mãe, pra vó, pra amiga, prima, e ninguém sabe o que fazer além de dizer: “Daqui a pouco não dói mais, acostuma!”
Tudo bem. Tudo bem! Mas por esse motivo inúmeras mães deixam de amamentar seus filhos.
Então vai aí uma dica que não aprendi nem com mãe, sogra, tia, prima, amiga e etc:
Colocar um pano umedecido com água morna sobre o seio, ajuda a desempedrar o leite, e nos poupa de tanto sofrimento.

Outra coisa que eu quero falar, apoiando o meu pediatra, OPA… o da minha filha: 
Não existe leite fraco!

O que acontece é que muitas vezes, o leite das mamães demora a descer, e cada  bebê tem seu tempo de sugar.
A vezes é preciso sim ficar dando de mamar por uma hora e logo depois de 5min, lá vamos nós pra mais uma hora de “teta”.
O nosso organismo funciona como uma fabrica, ou um restaurante(particular, e aberto 24h): Quanto maior a demanda, mais produzimos, se o bebê não sugar. Pronto! Aos poucos vamos falir! Nada de leite, nada de restaurante prioritário para os nossos babys.

Mas me digam… Vale ou não vale apena perder todo o tempo do mundo com nossos anjinhos? Eles serão bebês só uma vez na vida.

Dica 2:
Depois de amamentar, o bebê não arrota. E agora?!

Essa resposta é rápida, e se o pediatra do seu bebê for o mínimo prestativo, vai lhe orientar.
Se o bebê não tem nenhum problema, como refluxo, o tempo necessário é de 20min na posição vertical. Não é preciso ficar  a noite toda com o seu bebê no colo.

Dica 3:
Por ultimo e mais importante:
Faça o que acha que deve fazer!

Tratando-se de qualquer coisa, principalmente quando o assunto é o seu bebê, uma porção de pessoas vai se intrometer. Sejam elas quem sejam, os país do bebê quem tem que saber como criar o seu filho.
Eu e o meu marido sempre ouvimos tudo, sem contrariar, mas não é por isso que nos deixamos ser influenciados, fazemos o que sabemos que é o certo para nossa filha. E é claro que nem sempre acertamos, mas estamos criando ela do nosso jeito, sobre nossa responsabilidade e dedicação.  E pra nós, isso é o certo. E a prova de que tem dado certo e vê-la cada dia mais linda, feliz e esperta.Imagem

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s